CRM: 11543 – GO | RQE Nº: 7173

Como tratar o suor excessivo?

Onde eu atendo aqui na cidade de Goiânia o clima é quente na maior parte do ano, então se não for o ar-condicionado, a sensação térmica nos deixa constantemente suados. Para quem sofre de excesso de suor isso é pior ainda, principalmente nas axilas! Esse problema causa constrangimentos, eu sei! Você tem que, por exemplo, sempre escolher um tecido adequado que não deixe manchas aparentes nas roupas?

Primeiramente, quero lembrar que o suor é produzido pelas glândulas sudoríparas e tem a função de manter a temperatura corporal em torno de 36 graus. A quantidade produzida e liberada por uma pessoa varia de acordo com a idade, sexo e o ambiente em que vive.

Logo, o suor excessivo, ou hiperidrose, pode ser causado por hipertireoidismo, obesidade, menopausa, doença mental, ansiedade, nervosismo e até mesmo pela genética. As áreas mais atingidas são as axilas, palmas das mãos, plantas dos pés e virilha, mas pode acontecer em outras partes do corpo também.

Apesar de não ser uma doença grave que leva a problemas fatais, o paciente lida com situações extremamente desconfortáveis. Ela causa profundo constrangimento social, além de barreiras interpessoais e psicológicas aos portadores, que, muitas vezes, se isolam e desenvolvem o hábito de esconder os seus problemas.

Além de inibir a transpiração nas axilas por cerca de 10 a 12 meses, o Botox possibilita que a intensidade jamais seja como antes, já que bloqueia as terminações nervosas responsáveis pela liberação de substâncias que estimulam o suor.

Portanto, a partir de cerca de uma semana após o início do tratamento com a toxina botulínica, a sudorese pode ser 100% suprimida. O programa traz ótimos resultados e muita qualidade de vida aos pacientes!

Compartilhar este post:

Você vai gostar também
Dr. Bones Jr.

Mais de 10 anos atuando como dermatologista. Atual membro da SBD-GO e SBCD. Criador do movimento Revele sua Beleza, que busca estimular as mulheres valorizarem todas as características positivas que as tornam únicas.

Posts Recentes