CRM: 11543 – GO | RQE Nº: 7173

HARMONIZAÇÃO FACIAL OU “PADRONIZAÇÃO” FACIAL?

A harmonização facial, assim como qualquer outro procedimento estético, tem se tornado uma grande vilã da beleza natural quando na verdade deveria ser uma aliada. Toda essa deturpação do real intuito das intervenções, que é realçar a beleza presente na mulher, está enraizado no desejo cada vez mais frequente de tentar se encaixar dentro de padrões. Logo, eu te pergunto, o que você busca é uma harmonização facial ou uma “padronização facial”? 

Muitas pacientes chegam ao meu consultório desejando fazer alguma intervenção sem um motivo plausível, apenas por querer estar dentro das tendências que tanto são divulgadas nas redes sociais. Se comparam com outras mulheres que estão dentro desses padrões que naturalmente não existem. Maçãs muito lateralizadas, queixos “pontudos”, mandíbula reta e quadrada, e lábios volumosos na mesma proporção, em busca de uma razão “áurea”. Tudo o que vemos é uma monotonia. 

Os procedimentos estéticos existem para corrigir imperfeições. Não tem mal algum em querer ter lábios um pouco mais carnudos ou um nariz mais fino. O mal está em querer buscar a perfeição a todo custo e querer a mudança sem saber o que quer mudar ou se realmente precisa mudar alguma coisa. Essa é a falsa impressão que a tendência nos traz, de que qualquer um pode realizar os procedimentos sem nenhum critério. 

O ideal é trocar a busca desenfreada pela harmonização facial, pela harmonização interna. A real beleza está em ser diferente, em ser único e raro. Não se olhe no espelho e veja as rugas como inaceitáveis, como se a natureza estivesse errada e envelhecer fosse um crime. A beleza é étnica, cultural e ATEMPORAL!

Portanto, nós especialistas temos o dever de alertar e sermos honestos com nossos pacientes e sempre dizer a verdade sobre o seu desejo. Dizer o que precisa ou não ser mudado e realizar o procedimento de maneira mais individualizada possível, para que a beleza natural seja realçada e que aquele rosto não seja mais um dentro dessa produção em massa de bocas e narizes iguais. 

A associação do bom senso com as habilidades adequadas e o sentimento de felicidade nas pequenas coisas são a melhor combinação para alcançar a harmonia não apenas no rosto, como na vida. 

Compartilhar este post:

Você vai gostar também
Dr. Bones Jr.

Mais de 10 anos atuando como dermatologista. Atual membro da SBD-GO e SBCD. Criador do movimento Revele sua Beleza, que busca estimular as mulheres valorizarem todas as características positivas que as tornam únicas.

Posts Recentes